Dia 1

Ao entrar na casa, vê na parede a luz do sol. O peso da respiração diminui. Tira os sapatos e as meias. Eis um pequeno prazer. A atenção recai sobre a saudade difícil de descrever. O rangido dos portões indica uma chegada. Não há mais luz do sol. Esvai-se o deleite.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s